Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A minha vida virada do avesso - crossfitjourney

A minha vida virada do avesso - crossfitjourney

Momentos

Ontem fui ao jantar de aniversario de uma amiga, ja comecei a sair sem o T e a divertir me com as minhas amigas, sem medos, sem insegurancas... Mas ontem quando voltava para casa um pensamento nao me deixava... a minha prima Rita. Mas porque? Porque agora?
Foi ali que me dei conta que tenho estado a tomar opcoes na minha vida definitivas que contribuem para o meu bem estar, coisas que nunca pensei ser capaz.
No mes passado fui a casa dos meus pais e dei de caras com uma fatura da cuf de uma consulta de Senologia... com muita insistência minha, os meus pais acabarm por me contar que tinham descoberto "algo" no peito da minha mae....
A partir dali na minha cabeca estava senpre o pensamento de que alguna coisa podia nao estar bem e que muito provavelmente poderia voltar a perder alguem importante para mim... o que me começou a magoar foi o facto de as pessoas da minha familia nao estarem presentes nem a ajudar a ultrapassar esta fase má da vida da minha mae, ela que sempre esteve presente na vida de todos (com seu mau feitio) mas sempre pronta a ajudar.
Acabei por dar a entender o que se estava a passar e a alertar para um possivel arrependimento e a resposta da minha prima foi "arrepender nunca"... isto vindo de uma pessoa que liga varias vezes para a minha mae a pedir conselhos porque nao suporta que o namorado tenha uma filha e lhe de atencao!! Mas nao só....
Seguiram se almocos de família sem a minha mae, todos preparados por ela...
Porquê incentivar Rita? Foi o que tive vontade de lhe perguntar, mas o medo que tive de ficar orfa de mae mostrou me que nao vale a pena. Para que dar importancia a uma pessoa a quem eu sempre dei tudo e nunca me deu nada? Para que continuar a pedir um lugar que nao me pertence?
Adianta ter uma pessoa assim na vida?

"Se alguma vez te perguntares porque é que estou diferente, pensa nas tuas accoes, pensa em tudo o que fui para ti estes anos todos e depois tira as tuas conclusoes. Conhecendo como te conheco sei que o que te vai passar na cabeca é que estas de consciencia tranquila e que sempre fizeste tudo o que esta ao teu alcance. Mas é ai que eu vou ser cruel, e nesse momento que te vou dizer que es uma cabra egocentrica e egoista que so olha para o proprio umbigo. Perdoa me as ofendas, mas é a tua triste realidade, so te importas contigo e com o teu bem estar. Desde o precisares que alguem te fosse buscar a casa para ires á praia, a passar pelos comentarios de que eu deveria odiar o teu ex namorado pelo mal que ele te fez, aos pensamentos de que eu poderia querer tudo o que tens até ao "a minha mae esta mal com o avo ve se arranjas forma de resolver a situacao" e atê nesta ultima tu nada fizeste para ajudar a tua propria mae! Es tu tu tu tu e tudo tu nao ves mais nada.... ate na tua relacao com uma pessoa que supostamente amas tu so olhas para ti e para o que precisas esquecendo te que ele tem uma filha que ama e quebtambem precisa de tempo com ela e tu nao deixas porque impinjes a tua afilhada á tua enteada para que ele nao tenha de lhe dar tanta atencao.... por isso nao tens ninguem e acabaste por magoar a unica amiga que tinhas por so olhares para ti e para o que tu queres... tentei é verdade, ate dezembro lutei por ti por mim pela familia, para manter o espirito da minha (nossa) avó vivo mas fui a unica que se esforcou e deparando me com mais uma situacao terrivel e tu dizeres "arrepender nunca" de que vales? Lamento, mas eu acabei por perceber o que nao quero na minha vida e uma dessas coisas es tu... desejo sempre que sejas feliz mas desejo tambem que comeces a olhar para o mundo a tua volta e te des conta de tudo o que te rodeia e aprendas a amar as pessoas, as coisas e a ti. "

FB_IMG_1493912927548.jpg