Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A minha vida virada do avesso - crossfitjourney

A minha vida virada do avesso - crossfitjourney

Para os meus bebés

Sou educadora de Infância, se pensar bem nas razões pelas quais me tornei educadora, concluo que foi tudo meio inconsciente.. talvez tivesse de ser assim.. 

Estudei, fiz licenciatura e mestrado, mas sou sincera, nunca me empenhei muito, andei ali um pouco por andar por nunca achar que seria capaz de fazer alguma coisa perfeita. Nunca pensei em desistir, mas cheguei a temer não ter vocação para esta vida. Continuei por sentir que seria nesta profissão que alcançaria a felicidade. 

Educar crianças não é brincar com elas todo o dia, não é mudar fraldas e dar-lhes de comida... há mil e uma coisas para fazer todos os dias, há milhões de promenores que devemos estar atentas, há bilioes de trabalhos e temas para estudar ... é uma profissão que exige demasiado de nós mas que nos dá muito mais do que podemos imaginar. Eu tenho 15 "filhos" amo os a todos com todo o meu coração, foram estas 15 pequenas criaturas que me ajudaram e continuam a ajudar a enfrentar o dia com um sorriso na cara e me dão força quando eu penso que já nao aguento mais. Muitas vezes sentava me na sesta com o choro na garganta e bastava ouvir a respiração deles a dormir para me sentir em paz..... bastava que um deles me desse um abraco para eu voltar a ser a pessoa mais feliz do mundo.. 

Gosto de chegar á creche e ve los todos a correr para mim com um sorriso no rosto, gosto quando me perguntam "posso te dar um abracinho?", adoro que tenham arranjado um diminutivo do meu nome para me tratarem, gosto quando chegam perto de mim e me abracam chamando me de minha rutinha, gosto quando fazem de mim nas suas brincadeiras diárias, gosto quando vão para casa e me levam no seu pensamento durante o fim de semana, gosto quando me ouvem atentos e acham que eu sei tudo, gosto quando me procuram por eu ser para eles o seu refugio, gosto brincar de lobo mau e me deitar no chao a simular um acidente para que eles possam ser os meus doutores e mal sabem eles que são mesmo os doutores do meu coração.. gosto de os conhecer pelo choro, pelo cheiro até pelo cóco.. 

O ano letivo esta a terminar, e com ele vão tambem alguns dos meus "filhos", os abracos já doem, os beijinhos ja custam um bocadinho mais mas o tempo passou a ser o mais precioso, aproveito cada segundo, cada minuto, cada hora com eles para que nunca se esquecam de mim, para que sejam crianças felizes e seguras e possam continuar o seu caminho. Hoje quero agradecer lhes por tudo o que fizeram por mim, por tudo o que me deram até agora... 

 

Obrigada meus heróis voces fizeram do meu sonho a minha rotina.... 

 

1 comentário

Comentar post