Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A minha vida virada do avesso - crossfitjourney

A minha vida virada do avesso - crossfitjourney

Avó

Olá Avó, como te sentes hoje? Eu estou bem, sonhei contigo toda a noite. Sabes gosto de passar pela tua casa e olhar para o portão nunca sei se vais estar no rio ou no sofá. Gosto de por a chave na porta sem te aperceberes e gritar um "olá já cheguei" "olha a minha Rute", gosto que continues a saber quem sou. Gosto de me sentar no sofá a tua frente e roubar te o jornal e as revistas, sei que no fundo também gostas que o faça, só não te roubo o chocolates porque não gosto. Gosto de te observar a ler o jornal pela milionésima vez e dar uma palmada no mesmo para te ouvir dizer "oh miúda" ... Ficas tão engraçada quando te irrito, parece que és tu outra vez. E quando canto para ti? ris como se não houvesse amanhã, e eu danço e canto e tu não te importas com a minha voz esganiçada ( acho que és a única). Gosto de me sentar ao teu lado e ouvir as mesmas histórias mil vezes, as beatas, o sr. Joaquim da frente que adorava ouvir te cantar, a barraca, o hotel! Aí o hotel "autobus" "maket" "beach" as tuas colegas que de orgulhavam de ti por teres aprendido inglês! Melhor do que isso a ler e a escrever sozinha! E os fados, desculpa avó não gosto nada de fado, mas adoro ouvir te cantar. As vezes também não estou com muita atenção ao que estás a contar, já sei tudo de cór, mas sei que me vais dar uma palmada no braço para me obrigares a ouvir te. Também odeio isso! Mas gosto de ti. E no almoço? Vou ter de te levantar, dar te as duas mãos e ver te levantar encurvada e com tanto esforço, adoras o sofá não e? "Eu já comi" agora também gostas de brincar de mentira só para fugires ao bife que o avô pôs na mesa... "Aí o teu avô está tão chato" mas quando olhas para ele parece que viste o céu! "Onde foi o avô?" e eu digo pela milionésima vez "ao médico" ... As vezes até pode estar na casa de banho (coitado também merece) mas se não está a tua frente o teu mundo desaba. Gosto quando almoço a tua frente e tu mandas me o dedo, mas isso faz se Eugenia Maria? Ris ris e ris e por momentos és tu outra vez. Vamos para a sala não te preocupes não te vou roubar o lugar no sofá é teu, só não prometo não roubar o jornal. N gosto de te ouvir chocada com a mesma notícia mil vezes, já disse ao avô para não comprar o correio da manhã mas tu adoras não e? Podias ler o mesmo jornal todos os dias que não te irias dar conta. "Queres que a avô te faça um leitinho?" Querer até queria mas sei que já não consegues, "ja avisaste a mãe que estás aqui?" Sim vó. Dizes que vais a casa de banho, adoro a forma fugidia com que fazes as coisas, levantaste a cambalear encurvada, acendes a luz do quarto e sem que ninguém se aperceba foges para o rio. Oh Avó quantas vezes já caíste ali? N podes fugir, podes te perder além disso podes cair e magoar te a sério e o que seria de nós sem ti? "Aí filha olha para isto só lixo são os ciganos" OH VÓ vamos para casa vá as pessoas tem ouvidos sabias? E esses comentários n se fazem. Lembraste quando jogavas comigo ao "21"? Ainda hoje não entendo bem o objectivo desse jogo, tu rasgavas uma folha, uma para mim outra para ti e uma caneta... Dizíamos números e riscávamos... Não entendia muito bem mas adorava pois naquele momento eras só minha, hoje já não fazes números, mas ainda me dás canetas. Lembraste de estarmos as duas deitadas na tua cama e tu estares tão irritada porque não querias ir acampar? É uma das lembranças que tenho de ti quando ainda eras tu, Já estavas cansada de tanto acampar e eu não queria que fosses triste mas queria tanto que fosses connosco! não querias mas fizeste isso por nós, esse ano já não foi igual passaste a maior parte do tempo no apartamento, ninguém entendia que estavas cansada. Obrigada! Só mostra que sempre fizeste tudo por nós e continuas a fazê-lo.. A tia chegou, vem ver te e contar a rotina dela, deixas o jornal mas já não percebes nada da conversa ficas ali alheia a olhar para a televisão mas nunca das a parte fraca, "oh mãe?" E tu ris como se estivesses a entender tudo o que ela te diz. Não queres ver a "quinta" por vezes ainda críticas o programa e é nessas alturas que tu voltas a ti outra vez. Está na hora de jantar, a minha mãe vai te vestir o pijama, vais comer uma sopa quentinha e vais te deitar. Vais rezar um terço completo. Vais dormir com a cabeça enfiada nos cobertores mas antes disso vais ver se o estore da marquise está fechado, se a porta está trancada e se as janelas da sala estão fechadas, depois ainda vais perguntar mil vezes ao avô se está tudo fechado e só depois vais dormir. Lembraste quando brincávamos ao xiribibi? Só o avô é que se levantava mas tu ficavas na cama a rir das parvoíces que nós fazíamos.... Passo a mão pela tua cara e dou te um beijo na testa, tens tão pouco cabelo, estás tão magrinha mas continuas linda. Dorme bem avó, amo-te.

image.jpg

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.